História dos Povos da Antiguidade

Carregando...

04/06/2009

Civilização Cretense

A Civilização Cretense é também conhecida como Civilização Minoica.

Os historiadores acreditam que por volta de 3.000 a.C, populações que habitavam a Ásia Menor navegaram até a Ilha de Creta é la se instalaram.

Com o passar dos séculos a população multiplicou-se dando origem a Civilização Cretense, formada por uma sociedade voltada ao comércio marítimo.Civilização CretenseO arqueólogo inglês Sir Arthur Evans, foi o maior estudioso da Civilização Cretense. Foi ele que encontrou e escavou a Cidade de Cnossos.

Costuma-se dividir a história dos antigos habitantes de Creta em 3 períodos de civilização:

Civilização Egeia - Foram os primeiros habitantes da Ilha de Creta. Se dedicavam a pratica da agricultura e pastoreio de bois e cabras.

Civilização Cretense - Com o crescimento das atividades comerciais, foi criada uma unidade política, a Ilha de Creta passou a ser governada por um rei.

A Civilização Minoica - Civilização que iniciou-se após a destruição das cidades cretenses, provavelmente por um terremoto. As cidades foram reconstruídas de forma mais evoluída, notando-se a evolução cultural dos cretenses.

A Organização da Sociedade

Ao alcançar um grande desenvolvimento econômico, formou-se uma monarquia.  Os governantes de Creta passaram a ser conhecidos como Mino, o mesmo que rei. Para abrigar a realeza foi construído os Palácios de Cnossos e Faístos.

O Rei Cretense exercia a função de chefe político e religioso. Acreditasse que os cretenses formaram um sociedade com quase nenhuma diferença de classes.

Após um terremoto por volta de 1700 a.C, o palácio de Cnossos foi reconstruído, tornando-se ainda maior e rodeado por um labirinto de corredores.

Segundo a Mitologia Grega, o grande labirinto foi criado para abrigar uma criatura selvagem metade homem e metade touro, o Minotauro.

Com o crescimento da sociedade os cretenses desenvolveram a escrita. Foram encontrados placas de argila que continham uma escrita pictográfica muito parecida com a dos egípcios, batizada de Linear A. Havia também uma escrita grega antiga, batizada de Linear B.

Para melhor se protegerem de ataques dos povos invasores, foi criado um exército composto por tropas terrestres e marinha de guerra.

Economia Cretense

Os cretenses alcançaram um grande desenvolvimento econômico graças ao comércio maritmo. Eles comercializavam produtos na região balcânica e na Ásia Menor, porta de entrada comercial para o Oriente.

Na agricultura eles deram importância para o cultivo de cereais, videiras, oliveiras. Os principais produtos comercializados por eles eram jóias, tecidos, armas e objetos feitos de bronze.

A Arte e Arquitectura Cretense

As construções eram feitas de tijolos, pedra e barro. As moradas eram bem evoluídas para a época, palácios e algumas casas eram equipados com banheiros e possuíam canalização de agua e esgoto.

Os cretenses destacaram-se também na cerâmica. Algumas construções eram decoradas com pinturas na parede. Eram desenhos de animais, plantas e outros desenhos que retratavam cenas do cotidiano da época.

A Religião Cretense

Os cretenses tinham como principal divindade a Deusa Mãe que simbolizava fecundidade e fertilidade da terra. Por adorarem uma divindade feminina, a sociedade cretense dava grande importância as mulheres. Elas passaram a exercer a função religiosa de sacerdotisa. Plantas e animais também eram adorados.

O Declínio da Civilização de Creta

Após ser acometida por catástrofes da natureza como terremotos, erupção de vulcões e tsunamis, a sociedade cretense ficou enfraquecida e incapaz de defender-se de incursões invasoras de outros povos.

por volta de 1400 a.C, Os indo-europeus invadiram a Ilha de Creta e conseguiram dominar toda a região. Primeiro foram os Aqueus, depois vieram os Dórios.

Os cretenses foram os responsáveis pela formação da Civilização Grega. Ao Invadirem Ilha de Creta os indo-europeus (aqueus, dórios, eolios e jonios), assimilaram os costumes dos povos locais passando a difundi-lo por toda a Península Balcânica e litoral da Ásia Menor.

Veja também: A Grécia Antiga

12 comentários:

  1. obrigado me ajudou muito essa informaç... sobre a ilha de creta brigado.......

    ResponderExcluir
  2. Gostei, me ajudou na pesquisa da escola. Valeu.

    ResponderExcluir
  3. jv



    me ajudou muito no trabalho da escola

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de saber o autor dessa pesquisa para fazer a citação em meu trabalho de monografia.

    Atenciosamente,
    Paula Senger

    ResponderExcluir
  5. brenda souza de oliveira9/10/13

    sim

    ResponderExcluir
  6. joelma18/10/13

    Foi mto bom saber um pouco da vida dos cretenses,são pessoas mto diferents mas com grandes lutas conquistadas

    ResponderExcluir
  7. Esses "reis" cretenses, acredita muito boa gente, bem podiam ter sido Rainhas, uma vez que os valores que parecem ter regido essa sociedade, com pouca estratificação social, grande importância dada às artes, e ao prazer, nenhum culto da personalidade da parte das suas ou dos seus dirigentes, distribuição equitativa da riqueza, não se encontraram em mais nenhuma civilização contemporânea desta. Por isso autoras como Riane Eisler ("O Cálice e a Espada") acreditam que se tratou duma sociedade igualitária, baseada nos valores da vida, que cultuava a Deusa (ou porque cultuava a Deusa, precisamente), uma sociedade matrifocal ou matrilinear. Faz toda a diferença ter mulheres com real poder numa sociedade, como demonstra o exemplo desta civilização antiga...

    ResponderExcluir
  8. Anônimo20/11/13

    Muito boa a resposta me ajudou no Trabalho

    ResponderExcluir

Regras para comentários:

Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
publicamos somente os comentários que tenham relação com o assunto da postagem.

Parcerias, Dicas e Sugestões entrar em Contato pelo Email: civilizacaoantiga@hotmail.com

Civilização Antiga © Copyright - Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização prévia. Só é permitida a reprodução para fins de pesquisas e trabalhos escolares.

Plágio é crime (Artigo 29 Lei 9.610/98)