História dos Povos da Antiguidade

18 de jul de 2014

Alexandre O Grande

Alexandre, o Grande, conhecido também como Alexandre Magno ou Alexandre III, foi príncipe e tornou-se rei da Macedônia aos vinte anos, após o assassinato do seu pai, Filipe II.

Alexandre da Macedônia foi o mais célebre conquistador do mundo antigo, no século 4 a.C., por ter formado um enorme império, uma das maiores expansões territoriais, que ia do sudeste da Europa até a Índia.

Alexandre foi também aluno do filósofo Aristóteles, de quem recebeu uma sólida formação cultural.

Alexandre, O Grande
Conhecido por ter sido um general extremamente hábil, corajoso e sagaz, nunca perdeu uma batalha. A sua personalidade é considerada de formas diferentes, segundo a percepção de quem o examina: pode ser considerado um homem de visão, extremamente inteligente, que tentou aproximar o oriente e o ocidente, respeitador dos derrotados, admirador das ciências e das artes. Por outro lado, era profundamente instável e sanguinário, e utilizava o valor que tinha e sua riqueza em proveito próprio.

Fundou dezenas de cidades homônimas, Alexandria, que viria a se tornar o maior centro cultural, científico e econômico da Antiguidade por mais de trezentos anos, até ser substituída por Roma. Suas obras chamam atenção pela harmonia, como o Partenon, o mais célebre dos templos gregos na Acrópole e o Farol de Alexandria, no Egito, uma das sete maravilhas do mundo antigo.

O legado de Alexandre, o Grande

Alexandre contribuiu para a difusão da cultura grega no oriente. Suas conquistas aproximaram o ocidente do oriente e deram origem a uma nova cultura, a helenística, resultado da mistura das culturas ocidental e oriental. Alexandre tornou-se inspiração para Júlio César, general romano que fundamentou o Império Romano, que sucedeu o império de Alexandre.

Vida pessoal de Alexandre

Alexandre casou-se com três princesas persas e teve dois filhos: um com uma de suas esposas (que morreu antes de chegar à idade adulta) e outro com uma de suas concubinas. Segundo várias fontes, Alexandre não escondia o fato de manter relações sexuais com homens e mulheres, inclusive preferia a companhia de um dos seus amantes homens.

Alexandre, o Grande, morreu aos 33 anos, vítima de uma febre, deixando um dos mais vastos impérios conhecidos até então.

VEJA TAMBÉM: O Império Alexandrino

0 comentários:

Postar um comentário

Regras para comentários:

Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
publicamos somente os comentários que tenham relação com o assunto da postagem.

Parcerias, Dicas e Sugestões entrar em Contato pelo Email: civilizacaoantiga@hotmail.com

Civilização Antiga © Copyright - Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização prévia. Só é permitida a reprodução para fins de pesquisas e trabalhos escolares.

Plágio é crime (Artigo 29 Lei 9.610/98)